Os incômodos causados pela hérnia de disco são inúmeros, mas a dor é a que mais se destaca. Considerando que o problema é de 3 tipos, podendo afetar as regiões do pescoço, do meio das costas ou da parte mais baixa das costas, a dor pode se manifestar em um desses 3 lugares.

Qualquer dor que afete a região das costas e do pescoço já é suficiente para comprometer tarefas básicas do dia a dia. O tratamento é variado e difere de acordo com o grau do problema, mas se resume, basicamente, ao uso de analgésicos, sessões de fisioterapia, aulas de pilates ou, nos casos mais severos, a cirurgia.

O pilates é uma das maneiras mais eficientes de tratar o problema da hérnia de disco. A união entre movimentos e fortalecimento da musculatura é especialmente eficiente para quem sofre com o problema.

O Espaço Boa Forma atende diversos alunos semanalmente, com os mais diversos problemas e em busca das mais variadas soluções. A hérnia de disco é uma delas: a lesão no disco intervertebral é frequentemente trabalhada com eficiência no estúdio! Quer saber por quê? Confira:

 

Hérnia de disco: como o pilates auxilia?

Por trabalhar intensamente a atividade muscular, o pilates é bastante eficaz tanto no início do problema com hérnia de disco quanto nos casos mais avançados. No início, o trabalho de contração dos músculos e de controle da respiração fazem com que a coluna lombar seja estabilizada e fortalecida. Isso alivia as dores e melhora a postura, diminuindo a pressão sobre a região lesionada. Nos casos mais avançados, o pilates é extremamente útil já que, além de trabalhar a lesão, evita a regressão do problema.

 

Os movimentos

O que faz a diferença na eficiência dos resultados é a união entre movimentos e supervisão adequada. No caso da hérnia de disco, há 2 grandes benefícios do pilates: o fortalecimento muscular e o alongamento do corpo.

Fortalecimento muscular

Quando os músculos são fortalecidos, a região lombar é estruturada e sofre menos com posturas e posições inadequadas, aliviando as dores e incômodos comumente causados pela hérnia de disco.

 

Alongamento

Diversos movimentos do pilates trabalham o alongamento do corpo como um todo, sobretudo da coluna. Quando essa região é alongada, os desvios de postura são amenizados e o espaço entre as vértebras aumenta. Com isso, o sofrimento com a compressão e irritação das raízes nervosas, causado pelo deslocamento do núcleo pulposo intervertebral,  é aliviado.

 

Por que o Espaço Boa Forma é eficiente no tratamento da hérnia de disco?

Um dos maiores diferenciais do Espaço Boa Forma é ser um estúdio 100% equipado para a prática de pilates — e também de neopilates. Assim, os melhores equipamentos para a prática são utilizados nos exercícios, garantindo eficiência no resultado.

 

Cadillac

O equipamento é o mais completo projetado por Joseph Pilates e um dos que mais auxilia no tratamento da hérnia de disco. Nele é possível realizar mais de 200 movimentos e entre os seus trabalhos está o fortalecimento da musculatura profunda da coluna, auxiliando na correção e manutenção da postura. Outros movimentos são ótimos para alongar suavemente a musculatura e atuar na flexibilidade.

Este é um equipamento que exige bons conhecimentos por parte do professor, o que é também um diferencial do Espaço Boa Forma, que conta com 2 fisioterapeutas especializados em pilates e neopilates!

 

Chair

Nesse aparelho, que mais se parece um banquinho, é possível realizar movimentos em pé, sentado, em pé ou mesmo deitado. Para quem sofre com hérnia de disco, esse equipamento é ótimo pois trabalha o alongamento das pernas e de toda a musculatura da coluna, além de aliviar as tensões nessa região.

 

Outros equipamentos

O Espaço Boa Forma ainda conta com outros aparelhos, como o Lader Barrel, o Wall Unit e o Reformer, além de acessórios diversos que auxiliam nos movimentos.

Agora que você já conhece um pouco mais do trabalho do Espaço Boa Forma no tratamento da hérnia de disco, que tal agendar uma aula experimental gratuita e conferir de perto todos os benefícios que temos para a solução do seu problema?